.

Compactos

Dacia Spring quer ser o elétrico mais barato da Europa

Publicado

em

Dacia Spring quer ser o elétrico mais barato da Europa

Dacia Spring, o primeiro carro elétrico da marca instalada na Romênia, é bastante semelhante ao Renault Kwid

Não é segredo para ninguém que o continente europeu passa por um processo inicial de eletrificação, a demonstração mais clara disso diz respeito aos incentivos estatais para a aquisição desses modelos, uma vez que não funcionam à base de combustíveis fósseis e não emitem poluentes como os veículos convencionais.

Por conta disso, é perceptível um deslocamento das fabricantes em sentido a esse futuro inevitável, onde cada vez mais, os veículos serão elétricos. Apesar disso, um certo atraso por parte da Dacia era perceptível, mas parece que essa relação está com os dias contatos, uma vez que Dacia Spring está vindo aí.

O Dacia Spring havia sido revelado como apenas um conceito no primeiro trimestre desse ano, dessa vez, o veículo tem os seus documentos de registro divulgados, o que leva a uma conclusão quase que imediata a respeito de sua semelhança com outro veículo da Renault.

É mais que claro que estamos citando o Renault Kwid, justamente por conta do visual de hatchback compacto bastante característico do veículo que estreou há 5 anos. Apesar disso, o Dacia Spring não fica sob a sombra do Kwid, uma vez que a tarefa qual está encarregado é bastante nobre, ao ponto de conferir a ele um caminho próprio.

Dacia Spring quer ser o elétrico mais barato da Europa 2

Patente Dacia Spring, vazamento.

Esse hatch chega com a proposta de ser um elétrico bastante acessível ao grande público, o que servirá de alicerce para os demais rumos tomados pela Renault, a respeito do segmento. Além disso, no contexto atual, onde as autoridades europeias estão focadas na redução de emissões de dióxido de carbono, por conta de seu impacto ambiental, o veículo surge como uma verdadeira mão-na-roda.

Isso porque, junto com a questão ecológica, há um abatimento na aquisição de elétricos que acabará intensificando a proposta do Dacia Spring de ser um carro que não é movida à combustão, mas palpável a uma maior parcela do mercado.

Na verdade, o Dacia Spring é um “ctrl+c” do Renault City K-ZE que é disponibilizado no mercado chinês, por conta disso, quanto ao seu visual, as mudanças são apenas setoriais, como os ferros dianteiros e a parte de dentro, com leves diferenças. Essa semelhança com o veículo vendido do outro lado do mundo permite inferir as especificações técnicas a respeito de seu desempenho.

Dacia Spring quer ser o elétrico mais barato da Europa 3

Renault City K-ZE, divulgação.

Detalhes técnicos e disponibilidade

Confira algumas especificações a respeito desse motor elétrico:

  • Potência: 45 cv
  • Torque: 12,7 kgfm
  • Bateria: 26,8 kWh
  • Autonomia: + de 200 km
  • Plug-in até 80%: 240 minutos (tomada)/30 minutos (carregador)

Esse veículo é uma demonstração de como um determinado veículo não pode ser julgado meramente com base em suas especificações técnicas, uma vez que mesmo sendo modesto, a sua pretensão depende exclusivamente desse fato.

Com o objetivo de ser o elétrico mais em conta em todo o continente europeu, foi preciso estrear nesse mercado que se torna cada vez mais competitivo de forma modesta, já que, dessa maneira, conseguirá atingir um maior número de pessoas e se tornar uma opção para aqueles que buscam uma opção barata.

Dacia Spring quer ser o elétrico mais barato da Europa 4

Traseira do Dacia Spring, vazamento.

A mídia francesa está ventilando a possibilidade do Dacia Spring chegar com um valor muito próximo a € 15 mil, que em conversão direta para o real equivale a R$ 92,8 mil. No entanto, como dito anteriormente, é necessário considerar os abatimentos provindos do auxílio estatal, o que pode culminar em um preço de aproximadamente dez mil euros (R$ 61,9 mil).

Quanto a vinda do Dacia Spring para o Brasil, essa não é uma realidade muito improvável, já que se trata de um carro com pretensão de universalidade e baixo custo de aquisição, se tornando um prato feito para o assentamento do segmento elétrico no país.

Fonte: Auto Evolution

+ posts

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.

Destaque