.

Nissan V-Drive

Nissan V-Drive: antigo Versa troca de nome para evitar conflito

Publicado

em

Nissan V-Drive: antigo Versa troca de nome para evitar conflito

Nissan resolve manter geração passada do Versa chamando-a de Nissan V-Drive

Quando se pensava que a geração do Nissan Versa seria, simplesmente, ultrapassada por conta da iminente chegada da nova linha que se estabelecerá no final do primeiro trimestre da segunda metade de 2020, a fabricante japonesa consegue pegar boa parte dos entusiastas de surpresa, ao anunciar a chegada do Nissan V-Drive. Mas em que consistiria esse carro? Não se apresse, estamos falando do mesmo Versa que é comercializado no agora, antes da chegada da nova geração, mas que por uma estratégia de mercado, receberá um novo título.

Para entender o movimento adotado pela Nissan, é necessário constatar que se a fabricante escolhesse manter o mesmo nome do carro, ainda que já houvesse o lançamento dos novos Versa, a situação seria muito confusa.

Isso porque, a pretensão é manter a linha em continuidade nas lojas e se houvessem duas gerações simultâneas com o mesmo título, com toda certeza as coisas acabariam embolando e confundindo muito o consumidor menos atento. Foi divulgado pela Nissan que a produção da linha 2021 já se encontra a todo vapor, tanto é que a previsão de lançamento da mesma será entre agosto e setembro, mas ainda sem uma data concreta divulgada oficialmente.

Até o momento não foi dito nada diretamente a respeito de como o Nissan V-Drive chegará para as concessionárias, no entanto, isso não quer dizer que essas últimas não tenham se pronunciado a respeito do lançamento.

Está sendo afirmado que o veículo será comercializado em um quarteto de modelos, sendo primeira distinção a própria motorização. Enquanto uma versão de entrada chega com um modesto motor 1.0 de três cilindros e potência de 77 cavalos, as demais serão dotadas de 1.6 com 111 cavalos. Quando analisado, não são grandes as diferenças entre a linha atual e essa modificação para o título V-Drive, ao menos no quesito descrito.

Nissan V-Drive: antigo Versa troca de nome para evitar conflito 3

Nissan V-Drive, divulgação.

O Nissan V-Drive contará com uma lista de recursos intrínsecos à própria linha, dentre esses podem ser encontrados:

  • direção elétrica
  • computador de bordo
  • vidros elétricos
  • volante com regulador de posição
  • ar-condicionado

No entanto, se for da opção do comprador a aquisição de um modelo mais custoso, acompanham novos recursos presentes nas versões mais caras, como a possibilidade de abrir o porta-malas de dentro do próprio veículo, compatibilidade com os sistemas operacionais Android e Apple e até mesmo o regular dos retrovisores à distância de um botão.

Ainda de acordo com a afirmativa das concessionárias, o Nissan V-Drive custam a partir de R$ 57 mil e, no teto, se aproximam dos R$ 73 mil. Esses valores, quando comparados com a versão atualmente comercializada não são tão díspares, o que confirma o caráter meramente logístico da mudança. Assim, pois, se essa linha ficasse mais cara, acabaria ofuscando o lançamento da linha prestes a estrear, essa que, por sua vez, chega mais incrementada e tende a cobrar mais caro por isso.

Nissan V-Drive: antigo Versa troca de nome para evitar conflito 2

V-Drive (lateral), divulgação.

Com produção em andamento e lançamento marcado para o mês que vem, logo mais novas informações serão divulgadas pela Nissan, ampliando a perspectiva sobre os novos V-Drive.

Fonte: Nissan

+ posts

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.

Destaque