.

Jeep

Jeep Renegade STD: entenda porque a versão é mais cara que a PcD

Publicado

em

Renegade em zona urbana

Olhar Automotivo – Notícias Automotivas – Jeep Renegade STD com isenção que é a versão mais barata do carro, no entanto, antes da compra é necessário ponderar se vale realmente apena comprar essa versão do SUV.

Para chegar a essa conclusão, será necessário passar o Jeep Renegade por uma peneira de critérios, para saber certinho se vale a pena. Porque a versão STD muda pouco em fatores como os itens.

Podem ser encontrados no Renegade STD a barra de teto, o tampão de porta-malas e até a garantia de três anos. Então assim, se a gente olhar para questão de item a diferença é muito pequena, mas no preço a distinção permanece.

Volante do Jeep Renegade STD

Volante do Renegade, divulgação.

É interessante o consumidor entender a diferença entre os preços, para que a fabricante explique a razão de um modelo ser mais caro, mesmo com poucas diferenças nos itens. A versão PcD custa em torno de R$ 70 mil, enquanto que a STD, quase R$ 80 mil.

Olhando nessa parte de um o preço cheio você vai pagar mais caro, mas quando você tira o imposto, você pega as intenções, pega os 11% do IPI e depois você vai pegar 12% que a Jeep está te dando de bônus.

É como se fosse um ICMS. Porque ele representa justamente essa porcentagem do valor do carro, só que você comprando o Renegade assim você não vai tirar ICMS, por isso há uma série de vantagens.

Parte de dentro do Renegade

Painel interior do Renegade, divulgação.

Você não precisa ficar quatro anos um carro, você precisa fazer a papelada do ICMS, sem contar que o Renegade valoriza bem no mercado. Então às vezes mesmo você pagando ali o preço que vai cair para uma faixa de R$ 84 mil, acaba em uma faixa de, aproximadamente, R$ 64 mil.

Central multimídia da Pioneer

Uma coisa legal também no Renegade é que se você, por exemplo, vai que equipar ele, existe uma alternativa de mídia que está bem atualizada e moderna que a Pioneer lançou.

A fabricante tem três multimídias específicas para o Creta, Kicks e Renegade, enquanto que para esse último, que vem com recursos como: Bluetooth, Apple carplay, Android Auto, Waze, Spotify e TV digital.

Renegade passando por túnel urbano

Renegade em túnel, divulgação.

No entanto, o mais interessante talvez seria a moldura, onde ela é encaixada em conformidade com o painel do Renegade, passando a impressão de ser própria do carro.

Se você pretende ainda a faixa de 64 mil reais e pegar os 12% que a Jeep oferece e após dois anos ainda ter um carro valorizado, a proposta se torna interessante.

Agora, se você não está com tanta pressa e você pode esperar, é recomendado que aguarde até o fim de março. Isso porque, até lá haverá a reunião da Confaz, que trará muitas novidades no ramo automotivo e uma oportunidade mais interessante poderá ser realidade.

Fonte: Jeep

+ posts

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.

Publicidade

Destaque