.

Hatch

Volkswagen Polo Arlequim é homenageado com nova versão bizarra

Publicado

em

Volkswagen Polo Alerquim

O Volkswagen Polo Arlequim chegou em 1996, chamando olhares de todos que viam uma unidade passar pela rua, por conta de suas cores extravagantes. Se John Wayne Gacy, famoso serial killer que se vestia de palhaço, escolhesse um carro, certamente optaria por uma dessas unidades. Apesar de tudo, o Polo Alerquim conquistou corações e agora está de volta, sob uma proposta atualizada.

No entanto, cai em esquecimento aqueles que afirmarem que essa versão de várias cores foi exclusiva para o Polo Alerquim, já que o Golf também foi presenteado com uma edição, responsável por 3.806 unidades vendidas. Enquanto isso, as vendas do Polo foram muito mais restrito do que as do hatch, pois, na época, conseguiu vender apenas 265 unidades.

Polo Alerquim frontal

Alerquim, divulgação.

CONFIRA TAMBÉM:

É claro que, com o fator tempo contando, o valor dessas unidades hiper-exclusivas só tenderia a aumentar e, de fato, não é difícil encontrar compradores para uma unidade dessas, para compor coleções de carros clássicos.

O Novo Polo Alerquim recebe a mesma pintura que o carro clássico e, apesar de apelar para o fator nostalgia, ainda não é certeza se o carro contará com ampla produção. Há quatro anos, a nova linha do hatch foi lançada no mercado europeu, chegando inclusive no Brasil. Diante dessa realidade, um Polo Arlequim poderia se encaixar bem.

Alerquim em cores vivas

Novo Alerquim, divulgação.

Com base no Fusca lançado em 1964, o visual faz memória à versão que adotou o visual extravagante para elucidar a respeito da mesma natureza das peças, mesmo em edições diferentes. Dessa maneira, as cores, na versão original, faziam alusão ao fato de que uma peça, de um determinada versão, se comunicava com um carro de produção posterior.

Na década de 90, junto com o Golf, o Polo surgiu com o mesmo princípio de visual colorido, afirmando que tinha intercambialidade com a Audi e Skoda, por conta da mesma plataforma modular utilizada.

Alerquim em traseira

Traseira do Alerquim, divulgação

Um fato curioso a respeito do Polo Alerquim é que o comprador não sabia como ficaria a organização das cores do veículo, essa sendo uma surpresa, até o primeiro contato entre carro e dono.

 

 

+ posts

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.

Destaque