Volkswagen T-Cross recebe recall por grave problema nos amortecedores
VW T-Cross, divulgação.

VW T-Cross tem mais de 48 mil unidades com chances de acidentes graves por falha no amortecedor dianteiro

O Volkswagen T-Cross é o primeiro SUV a ser fabricado no Brasil e, é possível afirmar que, mesmo sendo o veículo de estreia no país, obteve um recente desempenho de meter inveja em muitos concorrentes, desconsiderando as dificuldades enfrentadas em seus primeiros meses.

No último mês de junho, por exemplo, o carro foi o grande protagonista, conseguindo alcançar o maior número de vendas dentre todos os veículos emplacados em território brasileiro. Por conta disso, o sucesso desse SUV é inquestionável, alcançando em junho mais de 5,4 mil unidades comercializadas, o que, quando contextualizado para os atuais desafios econômicos enfrentados pelo país, é um número expressivo.

Apesar desse desempenho, que se estende até mesmo no último mês, é preciso afirmar, como Fernando Pessoa, que mesmo o ser humano adorando a perfeição essa não é possível de ser encontrada no mundo. Isso porque a Volkswagen convoca agora uma gigante chamada aos compradores do crossover para a reparação de um defeito no encaixamento dos amortecedores frontais do SUV.

Volkswagen T-Cross recebe recall por grave problema nos amortecedores 2
Lateral-traseira VW T-Cross, divulgação.

E, realmente, o recall está sendo bastante comentado por conta da dimensão de extensão desse problema, que parece tomar quase a totalidade das unidades comercializadas no Brasil. A suspeita sobe um degrau ao ser endossada pelos números, já que a chamada envolve 48.393 unidades do T-Cross, que quando sendo subtraído do valor total de veículos vendidos de fevereiro até o mês passado, sobram pouco mais de 9,2 mil unidades sem o problema relatado.

Os T-Cross afetados se referem aqueles que foram produzidos entre as datas 23/02 do ano passado e 10/02 do ano vigente, enquanto que os chassis que acabaram sendo prejudicados com esse problema se referem a uma manifestação que não se dá em sequência, pois são relatadas: L4000105 a L4068835, bem como, L49900066 ao L4900160.

Residência do defeito

A fabricante relata que a dor de cabeça se encontra nas porcas superiores de fixação das bieletas e o seu possível desmonte, o que acabaria ocasionando um ruído referente à suspensão frontal do SUV. Nessa condição, a peça estaria soltando gradativamente com a insistência de direção, mesmo nessa condição, chegando ao ponto de desmontar completamente e por em xeque o próprio controle do carro, colocando em risco de vida os indivíduos dentro do carro.

Volkswagen T-Cross recebe recall por grave problema nos amortecedores 3
Interior do T-Cross, divulgação.

Vale lembrar que países como Argentina, México e Colômbia, também receberam as unidades fabricadas no Brasil, por conta disso, também acabaram sendo afetados por conta do problema. Os nossos hermanos, por exemplo, tiveram 8.157 unidades com o problema no eixo dianteiro.

Tendo em vista a urgente necessidade de solucionar esse problema, a Volkswagen definiu o início dos reparos para a partir da próxima segunda (13), que estarão submissos ao marcar de horário em uma concessionária. O procedimento consistirá na troca das porcas e no colocar de uma trava química, com duração média de 3/4 de hora.

Volkswagen T-Cross recebe recall por grave problema nos amortecedores 4
Traseira do T-Cross, divulgação.

Para aqueles proprietários do T-Cross que, mesmo mediante os ditos anteriores, ainda permanecem procurando por mais informações a respeito desse recall, poderão entrar em contato com a Volkswagen por duas formas distintas. Assim, através do número de telefone 0800 019 8866, como através do portal oficial da empresa.

Fonte: Volkswagen

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.