Chery eQ5 esbanja 510 km de autonomia e chega ainda em 2020 2
Chery eQ5, divulgação.

Primeiro SUV elétrico da Chery Auto investe pesado em recursos tecnológicos e novo design

Os SUVs elétricos estão tomando cada vez mais espaço no mercado, um futuro que não pode ser temido, já que todas as direções apontam para esse segmento que dispensa o uso de propulsores à combustão. Em virtude disso, há um deslocamento por parte das fabricantes no sentido de iniciarem de uma vez a produção de suas opções para o mercado, no entanto, alguns grandes nomes do ramo automobilístico se encontravam, digamos, um tanto atrasados em relação aos demais.

Dentre essas podemos citar a protagonista da vez, a Chery, que com a sua iniciativa S61, está muito perto de lançar o seu primeiro utilitário esportivo 100% elétrico. Isso porque já Está sendo comentado pela mídia da China que esse veículo não tardará a ser lançado, mas que, longe disso, já está previsto para chegar ao mercado local ainda esse ano.

O Chery eQ5, título que ainda não recebeu endossamento oficial, não apenas promete revolucionar na fabricante ao trazer um SUV elétrico, mas também será a oportunidade de uma revisão em termos de design. Outros fatores que serão pontos fortes do eQ5 serão a sua alta capacidade de conexão, com muitos recursos integrados em seu interior, bem como, a sua autonomia, que em comparação com lançamentos de gigantes se destaca muito bem.

Chery eQ5 esbanja 510 km de autonomia e chega ainda em 2020 5
SUV da Chery (interior), divulgação.

Um grande ponto positivo desse SUV diz respeito à sua base modular que não terá problemas de compatibilidade. Isso porque, ao invés de se tratar de uma plataforma adaptada, a LFS foi desenvolvida especialmente para funcionar em elétricos, onde apenas 7% da mesma não é composta por alumínio.

Quanto ao design frontal, o Chery eQ5 surge com faróis em LED posicionados nas laterais do capô, enquanto que, logo abaixo se encontra separada e em uma única faixa horizontal, o projetor. Com 2,80 m entre-eixos, o SUV demandará um comprimento (ainda não divulgado) de aproximadamente 4.630 mm, se tratando, portanto, de um veículo de grandes proporções.

Até o presente momento nenhum dado oficial a respeito dos motores que fornecerão tração para o veículo não foram compartilhados. Apesar disso, a mídia especializada já tratou sobre o assunto, afirmando que o Chery eQ5 contará com um motor elétrico que será dividido enquanto 120 kW/163 cv e 130 kW/177 cv.

Chery eQ5 esbanja 510 km de autonomia e chega ainda em 2020 3
Chery eQ5 (frontal-lateral), divulgação.

Por mais que informações sobre a capacidade da bateria do SUV sejam ainda um mistério, foi informado que a mesma será de composta de íons de lítio. Sem contar que, com a mesma, o veículo conseguirá uma considerável autonomia de 510 km, atestada pelo New European Driving Cycle.

No momento em que comparada a autonomia do Chery eQ5 com a do Nissan Ariya, que possui 482 km de autonomia, é possível constatar que o eQ5 da Chery bate o rival em 28 km a mais.

+ Recursos e disponibilidade

Já, quando o assunto são os recursos que estarão presentes no painel do eQ5, é preciso apontar de início que uma extensa tela sensível estará presente, junto a diversos recursos tecnológicos que prometem deixar a experiência de dirigir esse SUV muito mais otimizada.

Dentre os recursos tecnológicos, estarão os seguintes:

  • identificador por fala
  • identificador por face
  • assistente de direção
  • conexão 5G
Chery eQ5 esbanja 510 km de autonomia e chega ainda em 2020 4
Chery eQ5 (interior), divulgação.

Claro que essa relação narra apenas alguns dos recursos, uma vez que uma vasta gama será responsável por caracterizar esse modelo como um grande nome dentre aqueles que oferecem funcionalidades ao condutor.

Como dito anteriormente, o veículo não tardará a estar disponível, uma vez que tem o seu lançamento programado para a segunda metade de 2020, enquanto que a sua distribuição ocorrerá no último mês desse mesmo ano. Para adquirir uma unidade do Chery eQ5 será necessário desembolsar um valor que tem como piso a 200 mil renminbis, que em conversão direta para o real equivale a aproximadamente R$ 153.412.

Fonte: China PEV

 

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.