Ford Focus 2010 sedan parado na estrada
Propaganda do Focus 2010, divulgação.

Proprietário se finge de bêbado para vender seu sedan antigo

Todos nós sabemos que a propaganda é a alma de qualquer negócio. Não seria diferente quanto ao setor das vendas de automóveis, sobretudo quando se trata de um modelo considerado ultrapassado pelo tempo.

Alguns se contentam com uma descrição caprichada sobre o carro, outros, para chamar a atenção chutam o balde e investem em uma produção digna de Oscar.

Essa última opção, que mais parece própria para as telonas, foi a escolhida por John Thomas Goerke. Esse cidadão da Dakota do Norte, nos EUA, não poupou esforços para convencer o público de que o seu Focus 2010 sedan era fonte de muito estilo.

Confira, a seguir, a inusitada propaganda do Focus 2010 sedan:

Preço do Focus 2010

Se você ficou curioso quanto a oferta escolhida por Goerke para se desfazer do seu Focus 2010 estiloso, saiba que ele está saindo por US$ 6 mil (pouco mais de R$ 31 mil, em conversão direta).

Essa belezura tem um histórico de 193.121 km rodados e se estabelece em valor semelhante às demais versões da época. No entanto, o carro ofertado chega com o diferencial de um comercial invocado, capaz de suscitar o desejo de ser proprietário dessa unidade.

Focus 2010 rodando na estrada
Ford Focus 2010, divulgação.

A propaganda começa com o homem cambaleando de bêbado e, então dirigindo o carro em alta velocidade. Por fim, para o Focus sedan no meio da estrada, sai do carro e segue na direção da câmera fumando.

É claro que todos esses elementos foram simulados e o próprio responsável não poupa legendas para deixar bem claro ao longo da propaganda.

Tudo isso ocorre ao som de “Blinding Lights” de The Weeknd, em uma versão interpretada por outrem.

É curioso notar que a propaganda se inspirou no próprio videoclipe da música, já que segue o mesmo estilo, com um carro rodando. Vale apontar que, no clipe de The Weeknd, havia uma propaganda Mercedes-AMG GT roadster.

Sem sucesso nos negócios

O vídeo de Goerke já ultrapassou as 41 mil visualizações no YouTube, conseguindo deslocar uma grande atenção para si, sobretudo quando considerado que o carro ofertado é antigo. No entanto, nesse caso, a regra de que uma grande atenção despertará em alguém o interesse de adquirir o produto com valor acrescido não valeu.

Isso porque era esperado pelo norte-americano de que, com o fato de internautas de diversos continentes se interessarem pela propaganda, seria inevitável que recebesse uma proposta de compra. Porém, ele confessa que, até então, não havia conseguido se desfazer do sedan.

Goerke dirigindo o Focus em alta velocidade
John Goerke (proprietário do Focus), divulgação.

Em falas concedidas ao Car and Driver, ele revelou que, na verdade, a maioria das pessoas o procuraram buscando o serviço de criação de vídeos, impressionados com a propaganda em si. Dessa forma, o Focus velhinho acabou ficando de escanteio, mas ele afirma que não ficou surpreso com o acontecido.

“Mais pessoas se interessaram em me contratar para fazer vídeos para elas do que em pagar quase US $ 6.000 por um carro de 10 anos”, disse Goerke ao portal. Ele ainda completou, afirmando que o fato de morar na Dakota do Norte, já esperava que um número muito pequeno de pessoas pudessem se interessar pela aquisição.

Dono do Ford Focus 2010
Goerke no comercial, divulgação.

Apesar disso, nada apaga o quão criativa é a propaganda, essa que termina apresentando a ideia de que, na verdade, o legal é o que está dentro do carro (motorista) e não o carro em si.

Uma bela sacada para despertar o interesse do público sobre um carro antigo.

Fontes: Car and Driver Motor1

 

Jornalista de formação, trabalho em grandes jornais do ramo automotivo. Gosta de games e séries.